O que é inbound marketing

O que é inbound marketing

0
SHARE
O que é inbound marketing
O que é inbound marketing

Leia nesse artigo informações sobre o que é Inbound Marketing e dicas de como implementar em seu negócio

 

Definir o que é Inbound Marketing não é uma tarefa fácil. A definição do que significa o termo é difícil até mesmo para quem prática

Simplo 7 - Loja Virtual

Principalmente por ser uma tarefa relativamente nova, que ainda esteja sendo aprimorada por um grande contingente de indivíduos que utilizam essa técnica ao redor do planeta. De todo modo, podemos falar que entre as muitas definições que são encontradas por aí, todas possuem como um ponto entre elas a existência de três pilares principais: conteúdo, mídias sociais e SEO.

BAIXE NOSSO MATERIAL:

>Como montar uma loja virtual
>Como fotografar e editar fotos em sua loja virtual
>Como atrair visitantes gratuitamente para sua loja virtual
>Como vender pelo Facebook e Instagram

Saiba como funciona o Inbound Marketing

Transformar visitantes em leads é um dos princípios  do Inbound Marketing, sendo que o passo inicial é transformar leads em clientes e os clientes em divulgadores. Para que esse grande desafio acabe saindo do papel é fundamental que exista um tipo de metodologia específica, o que iremos falar  um pouco mais sobre ela agora.

LEIA TAMBÉM:

>E-MAIL MARKETING
>PORCENTAGEM DE VENDAS NO MERCADO LIVRE
>COMO COMPRAR NO E-BAY E PAGAR COM BOLETO

>COMO GANHAR SEGUIDORES NO INSTAGRAM
>COMO SER TORNAR UM EMPREENDEDOR INDIVIDUAL
>FAÇA UM CURSO DE E-COMMERCE

O primeiro ponto, para começar a nos aprofundar, vamos ver em alguns princípios distintos. Nessa questão, existe três itens que acabam tornando o Inbound Marketing aquele que tipo que as pessoas costumam a amar:

– Lugar
– Tempo
– Conteúdo

Assim, ao conseguirmos entregar o conteúdo correto, no momento correto e no lugar certo, todos os clientes acabam recebendo essa informação da melhor forma possível. Assim, no momento em que você receber um e-mail de uma marca em que você nunca chegou a visitar o site, sua reação é de deletar o e-mail ou marca-lo como spam.

BAIXE NOSSO MATERIAL:

>Baixe planilha de análise de concorrência
>Baixe e-book com 6 maiores erros de quem faz anúncios
>Baixe e-book de como capturar e-mail

Mas isso é muito diferente caso você venha a encontrar, por exemplo, um site no Google que informe sobre os diferentes tipos de pisadas – em um momento específico que você está pensando em adquirir um tênis para praticar corrida – e ao fazer essa pesquisa, encontra um livro gratuito (e-book) sobre o assunto que é disponibilizado pela loja online.

Assim, alguns dias depois de ter baixado o conteúdo, você recebe um e-mail que pergunta o que você achou do conteúdo que foi entregue. No mesmo e-mail, recebe uma dica, por exemplo, em forma de vídeo ou de infográfico, que mostra os diferentes tipos de pisada e qual é o tipo de tênis recomendado para ser utilizado para cada uma delas. Bem, isso é muito interessante. Mas para conseguir fazer isso da forma correta, é necessário que você siga cinco princípios. São eles:

1 – Marketing de Conteúdo:

Você só conseguirá chegar a esse público se produzir bom conteúdo e que este seja direcionado para os indivíduos corretos. Assim, é fundamental que você consiga definir qual é o público que irá adquirir produtos de você e que tipo de produtos ele deseja consumir, como ele pretende consumir e onde ele irá consumir.

LEIA TAMBÉM:

>PLANO DE NEGÓCIOS
>CONHEÇA OS PRODUTOS MAIS VENDIDOS NA INTERNET
>SAIBA MAIS SOBRE E-COMMERCE

>COMO CRIAR UMA NEWSLETTER
>SAIBA MAIS SOBRE E-BUSINESS
>COMO COMPRAR PRODUTOS BARATOS PARA REVENDER
>APRENDA COMO MONTAR UM PLANO DE NEGÓCIOS

2 – Ciclo de compra:

Tendo definido o seu público alvo, é necessário que seja criado um ciclo de compra para o seu cliente. Logo, para conseguir tornar estranhos em clientes, é preciso compreender como cada um deles fez o processo para conseguir concluir a sua compra. Compreender esse processo e saber como interagir com ele dentro do status em que ele se encontra é fundamental para que você consiga avançar para o conhecido “funil de conversão”.

BAIXE NOSSO MATERIAL:

>Como recuperar 30% pedidos pagos por boleto
>Saiba por que usar e-mail marketing na sua loja
>Faça parte da Lista Vip DLoja Virtual

3 – Personalização:

Quanto mais informações você tiver sobre os seus leads, maior será a interação que você irá conseguir alcançar sobre eles no momento correto, com o conteúdo certo e que eles irão querer receber. Então, é preciso conseguir tratar cada um de uma forma individual, para que seus anseios e questionamentos sejam atendidos em razão do seu serviço ou produto.

4 – Multicanais:

Saber como interagir com os indivíduos no momento correto é saber que esse tipo de interação pode ocorrer de vários lugares. A internet hoje, para alguns, se resume ao Facebook ou a buscas feitas no Google. Para outros, é o acesso a um blog em específico. Logo, é essencial a compreensão de quais são os canais corretos para que seja alcançada as pessoas específicas que irão gerar os leads certos.

BAIXE NOSSO MATERIAL:

>Veja 3 Ferramentas para monitorar seu mercado
>Aprenda como usar o CANVA
>Aprenda como usar o Google Analytics em sua loja virtual

5 – Integração:

Agora, para que você consiga que o planejamento saía conforme o combinado, é necessária que haja integração entre todas as etapas anteriores. Ou seja, todo o conteúdo terá que ser analisado e mensurado de forma precisa para que a personalização consiga ser a mais eficiente o possível.

A Metodologia do trabalho

A metodologia de trabalho pode ser dividida em quatro etapas distintas. São elas:

1ª fase: ATRAIR:

aqui não importa se você é empreendedor digital ou empresa, a estratégia será a mesma. Você não quer atrair qualquer tipo de pessoa para o seu site, mas sim o tipo correto de pessoa. Então, saber como ter tráfego qualificado é a primeira ação para conseguir realmente ter sucesso no seu trabalho.

Você quer atrair as pessoas certas, as que você julga ser o público mais interessante para que eles se tornem seus leads. Então, para conseguir atrair o seu público, crie um estudo para que os indivíduos sejam seus possíveis prospects e utilize o que for preciso para conquistar a atenção dele.

2ª fase: CONVERTER:

Após ter conseguido alcançar um grande volume de visitas no seu site, o próximo passo que você irá dar é lutar para tornar esses visitantes em verdadeiros leads. Para conseguir fazer isso, você terá que conseguir o e-mail dele e quantas informações forem necessárias. Mas sempre, para isso, terá que dar algo em troca, como vídeo, consultoria, e-books ou manuais.

BAIXE NOSSO MATERIAL:

>Como atrair cliente com e-mail marketing
>7 dicas para começar a usar o Youtube
>Saiba se seu site está otimizado

3ª fase: FECHAR:

Agora que o visitante já foi convertido em lead, você já tem a principal forma para entrar em contato com ele: o email. Desse ponto em diante, basta trabalhar para conseguir transformar esse lead em cliente. Mas como você pode vir a fazer isso?

4ª fase:

ENCANTAR: tendo entendido como funciona o Inbound Marketing, você precisa se preocupar em dar conteúdo relevante para seus leads (que são seus potenciais clientes). Então, não esqueça de entregar boa informação, assim ele não irá esquecer de você.

LEIA TAMBÉM:

>COMO FAZER UM PLANO DE AÇÃO PARA SEU NEGÓCIO
>PLANO DE PROJETO DE LOJA VIRTUAL
>SAIBA UM POUCO MAIS SOBRE ADWORDS

>O QUE AS PESSOAS MAIS COMPRAM NA INTERNET
>COMO ANUNCIAR PRODUTOS NA OLX 
>O QUE É E-PROCUREMENT

LEAVE A REPLY